Na CKOM e ÊXITO – Com luta trabalhadores garantem seus direitos

Essa Semana o Sticmb parou obras dessas duas empresas, primeiro a CKOM, os trabalhadores denunciaram ao sindicato que não receberam a Produção (PLR) e a comida é de péssima qualidade, também não estavam recebendo o PIS. O coordenador do Sticmb Alison Cunha esteve em uma obra da empresa na Curuzu, no dia 22/08 e convocou os operários a paralisarem  e ir para o escritório da empresa no dia seguinte cobrar seus direitos, no mesmo dia um dos dono da empresa o Sr. Leão, ligou para o sindicato para dizer que estava pagando a produção e estava resolvendo as outras questões. Foi dado um prazo de uma semana para resolver os pontos pendentes, se não a obra será paralisada.

Na obra da ÊXITO na Curuzu, os trabalhadores cruzaram os braços por dois dias só voltaram ao trabalho quando receberam a produção, a empresa pagou 50% e garantiu que na segunda-feira (26/08)  paga o restante,” se não pagarem  a obra para outra vez”,  disse  “Graveto”, operário da obra e diretor do STICMB

Fotos Rui Baiano Santana

Foto Rui Baiano Santana 5

Operários da ÊXITO Engenharia

48121Total de Visitas